quinta-feira, 8 de agosto de 2013

Irreversíveis



Há palavras que, depois de pronunciadas,
ecoam pelo resto da vida
maiores que quaisquer gestos que neguem outras intenções.
Há  dolos irreparáveis que repercutem no tempo
e tornam irreversível a mágoa causada.
Há dores que não latejam
mas que se podem sentir
no silêncio das portas fechadas.
Há lugares para onde nunca se volta,
para os quais se morre ao partir.


Aíla Sampaio 





 

Um comentário:

  1. Acho muito bem que siga o seu caminho e procure ser Feliz,noutras paragens.

    ResponderExcluir

Por enquanto

O sopro do vento arrastando as folhas A chave enferrujada na porta A jaqueta perdurada no silêncio. Somente seu olhar ...