segunda-feira, 2 de maio de 2016

Teus lugares em mim



                                                                                             Foto: Anabela Guerreiro



Teus lugares em mim
 

são cavernas antigas
veredas onde hibernas
após descruzados olhares 
e duas taças de gim

são palavras e lágrimas
portas que se fecham
barco que naufraga
qual passado assombrando a noite
 e sacudindo as vagas.



Aíla Sampaio 


A cidade

A cidade de me esconde entre ruas e esquinas, perdida em mim como suas avenidas entre semáforos e arranha-céus. Não sabe do mundo intei...