É tanta coisa pra esquecer que, às vezes, não lembro... aí o coração fica abarrotado de erva daninha e as orquídeas que plantam não nascem!

                                                                              (Aíla)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ORAÇÃO

Calmaria

um poema inconcluso