domingo, 28 de fevereiro de 2010

Ando


Sem
saber-te
onde
nem
quando


falta-me
porquê...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Despejo

Meu corpo te deu ordem de despejo. Meu coração, não. Ainda pulsa imberbe o desejo de atravessar a vida ...