segunda-feira, 7 de abril de 2014

Sem oscilação







Descalça-me desses sapatos altos e me põe de volta no chão. Quero um amor consistente feito tronco de baobá, sem oscilação de nuvens e sem risco de ser levado pelo vento.

Aíla Sampaio



Um comentário:

  1. Olá Aila, boa tarde! Cá estou a algum tempo já, a passear por este jardim de palavras e me encantando sempre que aqui venho. Parabéns sempre pra você, te aplaudo em pé por tão belas escritas.
    Beijos com carinho
    Marilene
    Marilene Folhas Flores e Sutilezas

    ResponderExcluir

Desde os contos de fadas

Eu te esperava desde os contos de fadas, quando a esperança galopava um cavalo branco e os príncipes existiam; desd...