À toa



Eu andei à toa pela tarde
escrevendo teu nome nos muros
cobertos de hera
e te imaginando à noite sozinho
lendo e relendo o papel amarelado das minhas cartas.
Se pudesse, adivinharia a cor dos lençóis
que te envolvem
e fotografaria cada reação
só para não esquecer o modo
como minhas palavras beijam teus olhos...

Aíla

Comentários

  1. Que lindo. Se trata de amor a distancia, certo? Adorei tudo aqui. Blog muito criativo com palavras muito bem colocadas. É a primeira vez que passo por aqui, mas já estou seguindo. Voltarei mais vezes, espero ter visitas suas na minha caixinha de tudo também. ^^'

    http://caixinha-de-tudo.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

ORAÇÃO

Calmaria