terça-feira, 3 de maio de 2011

Tão fundo mar



Tão fundo o mar
e tanta mágoa rasa
para afogar

a canoa virada
os remos largados
 os olhos no infinito
perdidos
e a vida à deriva
sem saber navegar
 
Quem vai nadar
em tão tristes águas
para me salvar?



Um comentário:

  1. Lindo, Aíla!
    Quem nos salvará de nós mesmas???...
    beijo

    ResponderExcluir

Despejo

Meu corpo te deu ordem de despejo. Meu coração, não. Ainda pulsa imberbe o desejo de atravessar a vida ...