HOMENAGEM PÓSTUMA




Vivo
como se não existisses,
por isso vejo tudo
em preto e branco.

Pouco me importa
se estás vivo ou morto;
já não te procuro
já não oro por ti
já não caio em pranto.








Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ORAÇÃO

Calmaria