Pessoas bem resolvidas não se expõem demais, não adjetivam demais, não são vaidosas demais... são justas, leais, podem sair um pouco dos trilhos, mas não escorregam feio. Pessoas bem resolvidas não falseiam intelectualidade nem condenam os cultos, conhecem seu lugar no mapa da vida e ocupam-no fazendo a diferença que sabem fazer, sem a garupa dos outros, sem a sombra de quem quer que seja. Pessoas bem resolvidas têm altos e baixos, são sutis, delicadas e leves... arrancam os espinhos antes de dar as flores, mesmo que furem seus dedos. Pessoas bem resolvidas não usam máscaras nem fingem alegria; não desconfiam de tudo e de todos, olham mais para a frente do que para trás; falam menos do que ouvem e silenciam quando não têm o que dizer. Pessoas bem resolvidas não jogam, vivem e convivem em harmonia com o universo e as energias que as circundam. Pessoas que saem desse perfil são inconvivíveis, só atrasam a vida (delas e de quem as cerca) e fazem a vida difícil! Quero a suavidade da flor em cada amigo... juro que estou tentando construir uma via de mão dupla. Chega de andar na contramão, atropelando a felicidade!

Comentários

  1. Perfeita a descrição. E a imagem está linda.
    beijo, Aíla.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

ORAÇÃO

Calmaria